Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Fetranspor lança no Rio ônibus movido a biodiesel e eletricidade

A Fetranspor se prepara para operar o primeiro ônibus híbrido elétrico da frota. Produzido pela Eletra, de São Paulo, o coletivo tem motor a biodiesel. A energia gerada abastece uma bateria que, quando carregada, desliga o fornecimento de combustível e faz o veículo rodar à base de eletricidade. O ônibus será testado nas ruas durante dois anos pela Viação Saens Peña e deve ser apresentado hoje, na Praia do Leme, na Zona Sul do Rio. O início da operação está marcado para junho.

O veículo tem custo orçado em R$ 400 mil, contra os R$ 120 mil de um modelo convencional custa R$ 120 mil. Entretanto, a economia de combustível chega a 30%, além de emitir menos gases poluentes quando movido a biodiesel e não poluir o meio ambiente ao ser movido por energia elétrica.

O projeto é semelhante ao desenvolvido por Londres e Nova York. Os ingleses já estão trocando toda a frota para adotar o novo modelo para as Olimpíadas de 2012. Aqui, a meta é fazer o mesmo com vistas aos Jogos Olímpicos de 2016. No entanto, o projeto brasileiro é diferente do europeu. Lá, o ônibus custa 800 mil euros. Ou R$ 1,81 milhão, pela cotação de ontem.

A hidrogênio
Um segundo projeto em curso é o do ônibus movido a hidrogênio, desenvolvido pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. O projeto, de R$ 3 milhões, é tocado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia e pela Petrobras. O motor também é híbrido e gera energia para uma bateria elétrica, tornando-o híbrido e movido a eletricidade.

Ao saber dos projetos brasileiros, a Fundação Bill Clinton, do ex-presidente dos EUA, apresentou à Fetranspor uma proposta de financiamento internacional, com dinheiro do Banco Interamericano de Desenvolvimento. O interesse de Clinton foi antecipado pelo blog no dia 1º de outubro do ano passado.

— Esses ônibus poluem menos e economizam 30% do combustível. Temos esses dois projetos e estamos para assinar contrato com a Fundação Bill Clinton. A Secretaria de Transportes do Rio está analisando-o e temos a esperança de implementar uma frota moderna para os Jogos de 2016 — diz o presidente da Fetranspor, Lélis Marcos Teixeira.

20-5-2010

referente a: iGoogle (ver no Google Sidewiki)

Nenhum comentário:

Postar um comentário